Imagem de Capa

Arte no Beco

Patrocinador

Sobre

O projeto “Arte no Beco” é um projeto colaborativo de ocupação artística e educativa realizado aos domingos (das 11 às 16hs) no Passeio Público Marcos Steiner Netto, na área ao lado do Museu da Energia, o qual reúne atrações artísticas, culturais, educativas, sociais e ambientais voltadas gratuitamente para toda família. Além das atrações que acontecem no Beco, o Museu de Energia abre as portas ao público e participa ativamente das atrações, as quais também acontecem nas dependências do Museu, conforme programação divulgada para cada encontro. Localizado no centro histórico, ao lado do Museu da Energia, o Beco, ou oficialmente, Passeio Público Marcos Steiner Netto, é um calçadão estreito com pavimento de pedra usado como ponto de encontro da sociedade ituana nos séculos XIX e XX. Este calçadão, também conhecido como Beco, Becão, Beco dos 4 cantos ou Rua XV de Novembro foi construído com varvito, uma rocha da era glacial, em uma época em que as ruas de toda a cidade ainda eram de terra. Em Fevereiro de 2014 nasceu o evento Arte no Beco, uma idealização do Museu da Energia e da empresa Motirõ Cultural. Hoje, na 13ª edição o projeto conseguiu despertar, não só ao público ituano, como também aos turistas que perceberam a importância de ocupações como esta para a cultura e o turismo local. A democratização da arte, o acesso à cultura e suas diversas linguagens, a conscientização da importância do Patrimônio Histórico e do Meio Ambiente, a difusão de esforço de artistas e grupos instalados no interior, o estímulo da socialização de várias faixas etárias e, entre outros, a visibilidade positiva do município, são algumas de muitas metas alcançadas nessa trajetória do projeto Arte no Beco. Este ano artistas, grupos, coletivos, produtores, educadores e profissionais ligados à cultura, arte, educação e meio ambiente poderão cadastrar seus projetos e participar da próxima edição agendada para o dia 16 de Julho, cujas atrações farão parte da programação oficial do 24º Festival de Artes de Itu.

Área de Interesse

Comunicação

Cultura e Artes

Desenvolvimento comunitário

Educação

Meio Ambiente

Público Alvo

Infância e Adolescência

Juventude

Idosos

Mulheres

LGBT

Pessoas com Deficiência

População Negra

Povos originários e Comunidades Tradicionais

Sub-área

Cultura e Artes - Circo

Cultura e Artes - Dança

Cultura e Artes - Teatro

Cultura e Artes - Música Popular

Cultura e Artes - Música Instrumental

Cultura e Artes - Música Erudita

Cultura e Artes - Audiovisual

Cultura e Artes - Fotografia

Cultura e Artes - Artes Visuais / Plásticas

Cultura e Artes - Museu / Centro Cultural

Cultura e Artes - Literatura

Cultura e Artes - Design

Cultura e Artes - Patrimônio Histórico

Cultura e Artes - Moda

Cultura e Artes - Cultura Indígena

Cultura e Artes - Cultura Afro Brasileira

Política de Investimento

Evento Colaborativo

Redes Sociais

Fb logo

Vídeos

-

{{video.nome}}

{{video.nome}}


Não há editais até o momento.

Editais abertos

Editais encerrados

Não há projetos aprovados até o momento.

Sobre

O projeto “Arte no Beco” é um projeto colaborativo de ocupação artística e educativa realizado aos domingos (das 11 às 16hs) no Passeio Público Marcos Steiner Netto, na área ao lado do Museu da Energia, o qual reúne atrações artísticas, culturais, educativas, sociais e ambientais voltadas gratuitamente para toda família. Além das atrações que acontecem no Beco, o Museu de Energia abre as portas ao público e participa ativamente das atrações, as quais também acontecem nas dependências do Museu, conforme programação divulgada para cada encontro. Localizado no centro histórico, ao lado do Museu da Energia, o Beco, ou oficialmente, Passeio Público Marcos Steiner Netto, é um calçadão estreito com pavimento de pedra usado como ponto de encontro da sociedade ituana nos séculos XIX e XX. Este calçadão, também conhecido como Beco, Becão, Beco dos 4 cantos ou Rua XV de Novembro foi construído com varvito, uma rocha da era glacial, em uma época em que as ruas de toda a cidade ainda eram de terra. Em Fevereiro de 2014 nasceu o evento Arte no Beco, uma idealização do Museu da Energia e da empresa Motirõ Cultural. Hoje, na 13ª edição o projeto conseguiu despertar, não só ao público ituano, como também aos turistas que perceberam a importância de ocupações como esta para a cultura e o turismo local. A democratização da arte, o acesso à cultura e suas diversas linguagens, a conscientização da importância do Patrimônio Histórico e do Meio Ambiente, a difusão de esforço de artistas e grupos instalados no interior, o estímulo da socialização de várias faixas etárias e, entre outros, a visibilidade positiva do município, são algumas de muitas metas alcançadas nessa trajetória do projeto Arte no Beco. Este ano artistas, grupos, coletivos, produtores, educadores e profissionais ligados à cultura, arte, educação e meio ambiente poderão cadastrar seus projetos e participar da próxima edição agendada para o dia 16 de Julho, cujas atrações farão parte da programação oficial do 24º Festival de Artes de Itu.

Compartilhe esta página