storage

Menu

{{ 'patrocinador.meus-editais.show' | translate }}

13ª edição da Bienal Internacional de Arquitetura de São Paulo

{{ 'painel-configuracoes.inscricao-divulgacao' | translate }}

Inscrições Encerradas em:

{{oportunidade.encerramento_das_inscricoes | date:"dd/MM/yyyy HH:mm"}}

{{oportunidade.data_publicacao_prorrogacao | date:"dd/MM/yyyy HH:mm"}}

{{timeZoneName()}}

{{'painel-configuracoes.aguardando-aprovacao' | translate}}.

report_problem

{{ 'empreendedor.show.edital-da-central' | translate }}:

{{ 'widgetWhiteLabel.eMail' | translate }}: 13bienal@bienaldearquitetura.org


{{ 'parecer.sobre' | translate }}

O Instituto de Arquitetos do Brasil - Departamento de São Paulo (IABsp) está com inscrições abertas para a chamada de trabalhos que vão compor a 13ª edição da Bienal Internacional de Arquitetura de São Paulo.

A chamada tem a finalidade de reunir propostas para a exposição Produções Insurgentes, que acontecerá na cidade de São Paulo de 21 de maio a 10 de julho de 2022. 


Quem pode participar:

Os trabalhos apresentados deverão propor reflexões sobre formas de opressão, históricas ou recentes, e que, tendo-as em consideração, apontem para práticas que prevejam diversidade técnica e construtiva, tecnologias acessíveis, apropriações coletivas de espaços, processos participativos de gestão coletiva; práticas de preservação ou reconstituição ambiental, propostas de ocupações e apropriações comuns nos territórios.

Podem participar da Chamada arquitetos(as/es), urbanistas, paisagistas, decoradores, engenheiros(as/es), designers, cientistas, pesquisadores, artistas, ativistas, estudantes, profissionais de áreas afins à arquitetura e indivíduos de notório saber.

A chamada recebe trabalhos em que estejam presentes questionamentos, indagações, reflexões ou propostas conectados, principalmente, à relação corpo-território pelo viés de seus apagamentos e resistências em seus múltiplos desdobramentos e que estimulem uma reflexão crítica sobre a compreensão do espaço, da cultura e da arquitetura contemporâneos.

Os trabalhos podem abordar um ou mais eixos apontados abaixo ou ainda apresentar similares que se encaixem na temática de Produções Insurgentes:

  • práticas arquitetônicas e construtivas populares, vernaculares, marginais e insurgentes;
  • rotas ancestrais e seus desdobramentos contemporâneos, imigrações e migrações;
  • territorialidades e suas perspectivas históricas e contemporâneas, lugares de práticas espirituais, culturais e perspectivas de cosmovisões, saberes ancestrais e processos diaspóricos;
  • expulsão, encarceramento e extermínio de populações;
  • políticas urbanas, planejamento, gestão democrática e direito à cidade, conflitos por terra, soluções espontâneas e regionais, cooperativismo e autogestão;
  • questões de privacidade, proteção de dados e experimentações com modelos de governança de dados públicos e privados;
  • corpos e narrativas invisibilizados (epistemicídio), acessibilidade universal;
  • agroecologia, segurança e soberania alimentar, água, segurança hídrica, desmatamento, impactos e emergências climáticas, desastres ambientais;
  • patrimônio material e imaterial, memória e resistência.

Os formatos e linguagens dos trabalhos que serão expostos poderão ser diversos, tais como: projetos construídos e não-construídos, desenhos, diagramas, mapas, modelos, protótipos, componentes de construção, filmes, instalações, fotografias, pinturas, maquetes, objetos táteis, colagens, performances, podcasts, projeções, intervenções urbanas, entre outros.

Os trabalhos poderão representar ou terem sido elaborados em qualquer localidade, mas a sua apresentação ou realização deverá acontecer na cidade de São Paulo.


O que é oferecido:

Os trabalhos selecionados vão compor a exposição Produções Insurgentes, que será realizada em espaço expositivo na cidade de São Paulo - SP, Brasil.

Haverá aporte financeiro para a viabilização de trabalhos de proponentes brasileiros ou residentes no Brasil que não possuam condições financeiras para a produção ou transporte dos trabalhos inscritos na 13ª Bienal.

O(A)(s) proponente(s) que solicitar(em) o financiamento deverão indicar no Formulário de Inscrição - em campo determinado - o desejo de participar da seleção e, em seguida, preencher os dados socioeconômicos solicitados.


Como participar:

As inscrições acontecem por meio do preenchimento do formulário online disponível no site da Bienal.


Para mais informações, clique no botão Acessar no início da página!

{{ 'painel-configuracoes.descricao-sobre' | translate }}

O Instituto de Arquitetos do Brasil - Departamento de São Paulo (IABsp) está com inscrições abertas para a chamada de trabalhos que vão compor a 13ª edição da Bienal Internacional de Arquitetura de São Paulo.

A chamada tem a finalidade de reunir propostas para a exposição Produções Insurgentes, que acontecerá na cidade de São Paulo de 21 de maio a 10 de julho de 2022. 


Quem pode participar:

Os trabalhos apresentados deverão propor reflexões sobre formas de opressão, históricas ou recentes, e que, tendo-as em consideração, apontem para práticas que prevejam diversidade técnica e construtiva, tecnologias acessíveis, apropriações coletivas de espaços, processos participativos de gestão coletiva; práticas de preservação ou reconstituição ambiental, propostas de ocupações e apropriações comuns nos territórios.

Podem participar da Chamada arquitetos(as/es), urbanistas, paisagistas, decoradores, engenheiros(as/es), designers, cientistas, pesquisadores, artistas, ativistas, estudantes, profissionais de áreas afins à arquitetura e indivíduos de notório saber.

A chamada recebe trabalhos em que estejam presentes questionamentos, indagações, reflexões ou propostas conectados, principalmente, à relação corpo-território pelo viés de seus apagamentos e resistências em seus múltiplos desdobramentos e que estimulem uma reflexão crítica sobre a compreensão do espaço, da cultura e da arquitetura contemporâneos.

Os trabalhos podem abordar um ou mais eixos apontados abaixo ou ainda apresentar similares que se encaixem na temática de Produções Insurgentes:

  • práticas arquitetônicas e construtivas populares, vernaculares, marginais e insurgentes;
  • rotas ancestrais e seus desdobramentos contemporâneos, imigrações e migrações;
  • territorialidades e suas perspectivas históricas e contemporâneas, lugares de práticas espirituais, culturais e perspectivas de cosmovisões, saberes ancestrais e processos diaspóricos;
  • expulsão, encarceramento e extermínio de populações;
  • políticas urbanas, planejamento, gestão democrática e direito à cidade, conflitos por terra, soluções espontâneas e regionais, cooperativismo e autogestão;
  • questões de privacidade, proteção de dados e experimentações com modelos de governança de dados públicos e privados;
  • corpos e narrativas invisibilizados (epistemicídio), acessibilidade universal;
  • agroecologia, segurança e soberania alimentar, água, segurança hídrica, desmatamento, impactos e emergências climáticas, desastres ambientais;
  • patrimônio material e imaterial, memória e resistência.

Os formatos e linguagens dos trabalhos que serão expostos poderão ser diversos, tais como: projetos construídos e não-construídos, desenhos, diagramas, mapas, modelos, protótipos, componentes de construção, filmes, instalações, fotografias, pinturas, maquetes, objetos táteis, colagens, performances, podcasts, projeções, intervenções urbanas, entre outros.

Os trabalhos poderão representar ou terem sido elaborados em qualquer localidade, mas a sua apresentação ou realização deverá acontecer na cidade de São Paulo.


O que é oferecido:

Os trabalhos selecionados vão compor a exposição Produções Insurgentes, que será realizada em espaço expositivo na cidade de São Paulo - SP, Brasil.

Haverá aporte financeiro para a viabilização de trabalhos de proponentes brasileiros ou residentes no Brasil que não possuam condições financeiras para a produção ou transporte dos trabalhos inscritos na 13ª Bienal.

O(A)(s) proponente(s) que solicitar(em) o financiamento deverão indicar no Formulário de Inscrição - em campo determinado - o desejo de participar da seleção e, em seguida, preencher os dados socioeconômicos solicitados.


Como participar:

As inscrições acontecem por meio do preenchimento do formulário online disponível no site da Bienal.


Para mais informações, clique no botão Acessar no início da página!

{{ 'parecer.diminuir' | translate }}

{{ 'parecer.fonte-financiamento' | translate }}

  • Recursos próprios

{{ 'parecer.locais-atuacao' | translate }}

Cidade(s):

  • location_on

    São Paulo - SP

{{ 'parecer.area-atuacao' | translate }}

  • {{'area.area_' + '3' | translate }}

{{ 'parecer.sub-area' | translate }}

  • {{'cultura.sub_' + '8' | translate }}

  • {{'cultura.sub_' + '9' | translate }}

  • {{'cultura.sub_' + '10' | translate }}

  • {{'cultura.sub_' + '13' | translate }}

{{ 'parecer.publico-alvo' | translate }}

  • {{'publico.publico_' + '1' | translate }}

  • {{'publico.publico_' + '2' | translate }}

  • {{'publico.publico_' + '3' | translate }}

  • {{'publico.publico_' + '4' | translate }}

  • {{'publico.publico_' + '5' | translate }}

  • {{'publico.publico_' + '6' | translate }}

  • {{'publico.publico_' + '7' | translate }}

  • {{'publico.publico_' + '8' | translate }}

  • {{'publico.publico_' + '10' | translate }}

Resultados

{{ 'aba-meus-editais.central-editais' | translate }}

Publicado por


O Instituto de Arquitetos do Brasil - Departamento de São Paulo (IABsp)

{{ 'empreendedor.show.patrocinador-dono' | translate }}

{{ 'parecer.arquivos-complementares' | translate }}

{{ 'projeto.show.midia' | translate}}

{{ 'parecer.sites' | translate }}

{{ 'parecer.videos' | translate }}

-

{{video.nome}}

{{video.nome}}

{{ 'projeto.show.compartilhe-pagina' | translate }}

{{init('')}}